Chardonnay e Pinot Noir agora em garrafa tradicional - Dal Pizzol Vinhos Finos
Vinhos da safra 2011 chegam na embalagem bourgogne e rótulos repaginados. Vinícola projeta aumento de 30% na produção das variedades para atender demanda. Da bordalesa (Bordeaux) a bourgogne (Borgonha). A Dal Pizzol Vinhos Finos apresenta dois vinhos resgatando a embalagem tradicional utilizada mundialmente para estes produtos. É o Dal Pizzol Chardonnay e o Dal Pizzol Pinot Noir Safra 2011, variedades historicamente apresentadas neste tipo de garrafa – a bourgogne –, que apresenta ...

Home /
Novidades

Chardonnay e Pinot Noir agora em garrafa tradicional

19 de julho de 2011

Vinhos da safra 2011 chegam na embalagem bourgogne e rótulos repaginados. Vinícola projeta aumento de 30% na produção das variedades para atender demanda.

Da bordalesa (Bordeaux) a bourgogne (Borgonha). A Dal Pizzol Vinhos Finos apresenta dois vinhos resgatando a embalagem tradicional utilizada mundialmente para estes produtos. É o Dal Pizzol Chardonnay e o Dal Pizzol Pinot Noir Safra 2011, variedades historicamente apresentadas neste tipo de garrafa – a bourgogne –, que apresenta pescoço gradual, ao contrário da bordalesa, que vinha sendo utilizada para os dois vinhos, porém com gargalo abrupto. A dupla chega ao mercado ainda este mês.

Na Dal Pizzol cultura é coisa séria. Isso explica a mudança de embalagem que ainda traz como inovação a repaginação dos rótulos. A utilização deste tipo de garrafa está relacionada à origem das uvas - Borgonha (França), o que explica, ainda, a presença do Taste Vin no novo rótulo - símbolo da região - representando os tradicionais encontros das confrarias francesas, que utilizam o instrumento para degustar e visualizar a coloração do vinho.

Incremento na produção
As mudanças diferenciam ainda mais os produtos, muito disputados entre seus apreciadores devido à qualidade mantida pela vinícola que aposta numa produção limitada. Diante da grande procura, a empresa projeta um aumento de 30% no volume de produção das variedades até 2012. Para isso, a Dal Pizzol, através de seus agricultores parceiros, ampliou a área de plantio e incentivou a reconversão de vinhedos. No próximo ano já estarão sendo colhidos os primeiros cachos deste novo lote.

Hoje, a vinícola elabora anualmente 15 mil litros de Pinot Noir e 10 mil litros de Chardonnay, o que se esgota antes mesmo do lançamento da próxima safra. Os investimentos estão sendo feitos para atender a demanda de mercado.

Os vinhos
- Dal Pizzol Chardonnay Safra 2011
A excelente vindima 2011 deu origem a este vinho de aspecto brilhante, com coloração amarelo palha e reflexos esverdeados. Aroma pronunciado lembrando frutas cítricas (maçã, limão, abacaxi, pêra) e leve toque de mel. Ao paladar nota-se um vinho pleno, com bom volume, estrutura, de agradável frescor, equilibrado e elegante. A persistência do sabor é média/longa. Delicado, recomenda-se o consumo com temperatura entre 6ºC e 10ºC. Este vinho possui 12% de graduação alcoólica.

- Dal Pizzol Pinot Noir 2011
Varietal de casta nobre, proporciona este maravilhoso vinho de coloração vermelha cereja, com reflexos violáceos e brilhantes. Aroma franco, persistente, delicado e elegante, de frutos vermelhos bem maduros, como amoras, groselhas e cerejas. Ao paladar, apresenta persistência e corpo medianos, taninos macios, redondo, equilibrado e harmônico. Ideal para ser degustado com temperatura entre 14ºC e 16ºC. Apresenta graduação alcoólica de 12,5%.

Últimas Novidades

Veja o histórico completo